A amamentação reduz o risco de câncer de mama

O leite materno é a melhor opção para o bebê receber ótimos nutrientes desde recém nascido. Alguns dos benefícios da amamentação são: a presença das vitaminas B12 e ácido fólico; proteção para possíveis problemas respiratórios e alérgicos; auxílio de uma melhor digestão e estímulo ao desenvolvimento da criança. Entretanto, além desses benefícios, a amamentação também reduz o risco de câncer de mama para a mulher. 

Segundo alguns estudos, o risco de contrair a doença diminui 4,3% a cada 12 meses de amamentação. Isso porque, durante o período de amamentação, retarda a ovulação e também diminui os níveis de estrogênio no corpo.

É recomendado que, mesmo no período de gestação, a mulher continue fazendo exames preventivos contra doenças mamárias, pois, durante a gestação, a alteração no tecido mamário pode acarretar em alguns problemas, principalmente na formação de cistos e mastites que podem ser confundidos com o diagnóstico de câncer de mama.

Além disso, é de extrema importância a mulher consultar regularmente um médico e realizar exames periódicos.


Aproveite para ver também...